Lifestyle

Que mundo é esse?

Meu Deus, que mundo é esse que estamos vivendo? Que pessoas são essas que não tem empatia com o próximo? É sério isso? Jura pra mim que tudo isso não passa de um pesadelo? Não, não é possível. Não consigo acreditar numa coisa dessas, simplesmente não dá.

Cada dia que se passa é uma tragédia diferente. Parece que estão competindo pra ver quem mais vai aparecer no jornal com a pior notícia. Sem falar no medo..

E o medo de sair na rua? O medo de levar as crianças pra escola? O medo de falar até com alguém da própria família. Medo de viver, é isso que temos ultimamente, medo de fazer qualquer coisa, simplesmente, porque não se pode mais confiar em ninguém.

É então que nos começamos a pensar: “de que adianta sermos pessoas tão boas, sem fazer mal à ninguém, se não conhecemos nem nossa própria sombra?”. É de um pavor imenso não saber com quem estamos lidando. O mais engraçado, é que não tem idade para cometer crimes, nos dias atuais vemos desde crianças até adultos matando pessoas por aí. Isso não é horroroso? Não consigo entender onde está a empatia do ser humano, juro!

É complicado, porque quanto mais tragédias forem acontecendo, mas as pessoas se inspiram pra cometer ainda mais coisas ruins. Isso não parece nem um pouco com a vida real, pelo menos, não com a vida que me ensinaram a crescer. Tá mais pra pesadelo do que para uma vida saudável.

Acredito que ao invés de liberar o posse de armas, o que deviam fazer era investir mais em educação, em segurança, em culturas boas, mas, principalmente, em uma punição muito mais severa para o tipo de ser humano que está sendo moldado à cometer crimes tão pesados como matar o próximo. Talvez assim as coisas melhorassem um pouco, porque olha, vou te contar.. não está sendo fácil viver nessa era, não mesmo.

O meu maior medo é de como será o futuro. Com tanta tragédia assim, tenho medo de nada durar por mais muito tempo. E isso tudo me deixa tão triste, tão desiludida com as pessoas.. tão sei lá.. Que perdemos a confiança no próximo e até em nós mesmos. Afinal, quem somos? O que estamos fazendo aqui nesse mundo tão insano? Simplesmente, não sei. É de partir o coração saber que existe pessoas tão ruins por aí, infelizmente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s