Lifestyle

Ah, que saudade!

Cara, como sinto saudade da minha infância. Posso ter passado a maior parte dela brincando sozinha, mas confesso que sinto muita falta disso. Como era bom viver brincando sem precisar se preocupar com nada, absolutamente nada. O cuidado que tinha que tomar, era pra que as bonecas não quebrassem, não saísse a cabeça das barbies, cuidado para não rasgar as roupinhas da Polly, ou então, para não riscar o CD de Sandy e Júnior e para que os meus alunos das aulas de mentirinha, não me desrespeitassem.
Brincar o dia inteiro, faça sol ou faça chuva. Se sujar com terra, se molhar com água dando banho nas bonecas. Subir nas árvores, pular, correr, brincar de esconde-esconde, polícia e ladrão, dançar, tudo sem se preocupar com nada, sem pensar que tem aquela prova difícil de biologia, ou que tem relatório pra entregar. Sem se preocupar com chefe, com professor carrasco, nada. Apenas brincar, se divertir, ser feliz com seus brinquedos e sua família, nada mais. Que vontade de ser criança para sempre. Será que tem como voltar?

Anúncios

Um comentário em “Ah, que saudade!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s